ECOBIO Produtos Orgânicos
Olá, Visitante! Conecte-se em sua conta ou cadastre-se.

OrganicsNet: nova plataforma virtual abre canal direto entre produtor e consumidor

Publicada em 09 de Novembro 2010.

A Sociedade Nacional de Agricultura (SNA) apresentou aos visitantes da Biofach America Latina, sua nova plataforma virtual. As novas ferramentas acopladas ao portal OrganicsNet abrem comunicação direta entre produtores e consumidores de orgânicos.

"Estamos lançando dentro da plataforma um fórum para as pessoas que estão no mundo orgânico", disse à Agência Brasil a diretora da SNA e coordenadora do projeto OrganicsNet, Sylvia Wachsner. O fórum engloba pesquisadores, agricultores orgânicos, mercado varejista e a rede de consumidores de orgânicos.

Um dos objetivos do fórum é agregar valor ao produto orgânico, uma vez que todos os produtores vão poder falar uns com os outros, o que aumentará o nível de informação entre eles. A ideia é difundir, entre os consumidores, cada vez mais o conceito do consumo responsável, além de fornecer dados sobre legislação, certificação e técnicas de produção, visando a dinamizar mais a produção de orgânicos no país. A nova plataforma também  foi pensada como uma maneira  "que o consumidor tenha mais informações".

A plataforma do OrganicsNet é a única do gênero no Brasil. Ela conta para sua divulgação com a colaboração da empresa júnior da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC/RJ) e está presente em mídias sociais, como Twitter e Facebook.

A diretora da SNA salientou que a expansão do setor de orgânicos no Brasil depende da continuidade, no próximo governo, do apoio dado pelos ministérios da Agricultura e do Desenvolvimento Agrário. "Esperamos que o novo governo continue apoiando, porque só com ajuda do setor público, o exército de produtores orgânicos, como eu chamo, vai poder ficar mais forte e crescer."

De acordo com dados do Censo Agropecuário de 2006 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), existem no Brasil cerca de 90 mil produtores orgânicos em 800 mil hectares certificados. Sylvia acredita que com a nova regulação que entra em vigor a partir de janeiro de 2011, o país começará a criar as primeiras estatísticas reais sobre a produção orgânica.

fonte: Agência Brasil